Costa Rica comemora 41 anos de emancipação, mas ainda não conseguiu chegar aos 30 mil habitantes

Noticias gazetacrnews em 12 de maio, 2021 21h05m
Facebook Twitter Whatsapp

Foto: Portal Governo MS.

Da Redação - Foi no dia 12 de maio de 1980, que o ex-governador Pedro Pedrossian assinou alei estadual de n. 76, que criou o município de Costa Rica, sendo desmembrado do município de Camapuã e Cassilândia. O distrito de Costa Rica, criado em 1964, por sua vez pertenceu ao município de Camapuã. 

Nesse 12 de maio de 2021, são 41 anos de história. Mas, a história retrocede a 1980, mas ao seu inicio em 1957/58, quando chegaram os primeiros moradores. Os pioneiros de Costa Rica, quase todos já morreram, outros poucos continuam com vida, e uma grande descedência de filhos, netos, bisnetos e tataranetos que moram em Costa Rica, e passam a ver a cidade crescer. 

Costa Rica que soube receber paulistas, mineiros, goianos, gaúchos, paranaenses, e recentemente um grande número de nordestinos. Os nativos desse município, preservam a boa hospitalidade.

Publicidade

Os eleitores de Costa Rica já foram por dez eleições votarem para eleger prefeitos, vices e vereadores. Começou em 1982, quando elegeu Laerte Paes Coelho, e por último elegeu o delegado Cleverson, que está no inicio do mandato. Antes de eleger Laerte Coelho, logo após a instalação do município, assumiu como prefeito provisório, o dentista prático João Gomes Sobrinho. Desde que se emancipou, o município já elegeu 104 vereadores, sendo que pelo menos 18 já foram reeleitos pelo menos uma vez. Dentre todos os eleitos na história política do município, três já morreram. Kendi Nakai morreu durante o mandato. João Carlos de Oliveira, faleceu já depois que havia deixado o mandato, e, recentemente Antonio Rodrigues, com apenas 3 meses de mandato. 

Um dos desafios que os administradores de Costa Rica tem pela frente é fazer a cidade crescer, ultrapassar os 30 mil habitantes, chegar a 50 mil habitantes e tornar-se um município dentre a "escala dos municípios médios" do Estado. Segundo o IBGE, diante do censo de 2010 e estimativas que de ano a ano, o município está com menos de 22 mil habitantes. A classe política local acredita que esse número está defasado e que já passa de 26 mil moradores. A cidade vai inaugurar a sua quarta agência bancária, e sonha com a Caixa Econômica, que pode se instalar ainda esse ano em Costa Rica. 

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários