Alastramento do vírus da Covid na Índia pode atingir outros países

Noticias gazetacrnews em 15 de maio, 2021 08h05m
Facebook Twitter Whatsapp

Mulher chora durante a cremação de seu marido, que morreu de Covid-19, em um crematório em Nova Délhi, na Índia, em 5 de maio de 2021 — Foto: Adnan Abidi/Reuters

Da Redação - Não acabou o perigo com a dissiminação do vírus da Covid-19, o mundo ainda corre perigo com a contaminação, e o grande vilão nesse momento é a Índia. Naquele país chega a morrer 4 mil pessoas por dia. 

O médico especiliasta em doenças vírais, Francisco dos Santos, que mora na Índia, disse que ainda há muito mistérios, não se sabe como esse vírus age e transmuta de uma hora para outra. A Índia já vacinou 150 milhões de pessoas, em uma população que ultrapassa 1 bilhão de habitantes (um bilhão e trezentos e oitenta milhões). 

A vacina da AstraZeneca/Oxford é produzida na Índia, e boa parte dos insumos para vacinas também são produzidos nesse país, que junto a China domina esse mercado. A segunda onda do novo coronavírus atingiu a Índia com força e atraiu a atenção das autoridades e cientistas para a variante B.1.617, que parece estar circulando mais entre a população indiana. Já foram detectados variantes dessa cepa no Brasil. 

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários